O que é Decoração Industrial?

O que é Decoração Industrial?

Quando se trata de imóveis, a decoração é um assunto que não pode ficar de lado. A escolha deliberada do mobiliário e dos elementos visuais que compõem um ambiente é responsável por agregar personalidade e suscitar sensações nas pessoas que o visitam.

Por isso, é importante conhecer os principais estilos e tendências, e aprender como mesclá-los com gosto pessoal para criar espaços exclusivos e sofisticados. E este é o assunto do nosso artigo de hoje. Vamos apresentar um dos estilos mais atemporais, capaz de agregar um tom moderno e se manter atualizado por muito tempo: a Decoração Industrial.

Apostar neste estilo que é muito mais que uma tendência garante valorização do imóvel e permite criar um ambiente com forte apelo estético. Conheça mais sobre ele a seguir.


O que é Decoração Industrial?


A Decoração Industrial é aquela onde elementos de infraestrutura se mesclam com mobiliários e peças ornamentais de forma complementar. Nesta vertente da decoração, o aspecto construtivo do imóvel é valorizado, e elementos como tijolos, encanamento, estruturas metálicas e outros componentes estruturais tornam-se ponto focal da decoração.

Frequentemente, as paletas de cores mais empregadas são aquelas em tons escuros e neutros, que privilegiam a criação de uma atmosfera sóbria e moderna. Em alguns casos, podem também ser aplicados tons naturais e terrosos, sobretudo quando as peças estruturais aparentes têm tonalidade em cobre e terracota, como nos canos e na alvenaria.

Para balancear a rispidez visual que o estilo traz, garantindo que o imóvel não pareça simplesmente inacabado, entram em cena os móveis. Peças de boa qualidade, em linhas modernas e limpas costumam ser a escolha privilegiada na composição de ambientes com estilo industrial.

Mais adiante você conhecerá outras dicas para decorar em estilo Industrial. Continue conosco!

Leia também: Decoração de apartamento pequeno


Qual a origem da Decoração Industrial?
 

Você deve estar se perguntando de onde surgiu a ideia de incorporar elementos rústicos e frios da infraestrutura à composição visual do espaço. Bem, saiba que este processo na verdade ocorreu naturalmente.

A Decoração Industrial é fruto da expansão dos grandes centros urbanos. Com o crescimento populacional e a elevada demanda por moradia, prédios antigos ou abandonados tiveram sua função reformulada para agora tornarem-se lares.

Com isso, construções originalmente planejadas para receber negócios e indústrias começaram a ser ocupadas para a moradia. Devido ao seu propósito inicial, não era incomum que os imóveis fossem quase que completamente desprovidos de acabamento.

E o alto custo associado à moradia nestes locais, geralmente em grandes centros urbanos, foi um dos motivadores para que os novos proprietários se adaptassem a conviver com estes elementos rústicos. Por fim, fez com que eles fossem incorporados à estética, criando este novo estilo da decoração.

O primeiro local onde ocorreu este movimento foi a cidade de Nova York, em torno da década de 70. Foi a partir daí que surgiu o conceito de loft, em que apartamentos compostos por uma única área ampla e com pouco ou nenhum acabamento tornaram-se moradia para a população da cidade.

Com o tempo, esta estética e este tipo de apartamento tornaram-se objeto de desejo, por manifestar a modernidade da vida urbana. Assim, apostar na Decoração Industrial é uma excelente alternativa para quem busca valorizar um imóvel situado na cidade.


Como aplicar elementos industriais à decoração do imóvel


Atualmente, uma boa Decoração Industrial vai muito além de expor alvenaria e outros elementos estruturais. Compreendendo que a base do estilo reside no emprego de materiais crus e frios, como concretos e metais, é possível transformar um imóvel com excelentes acabamentos em um espaço com inspiração industrial de alto padrão.

Para isso, basta saber como combinar elementos. Neste âmbito, há três fatores principais que podem auxiliar na criação de um ambiente em estilo industrial:

• Matérias-primas;

• Texturas;

• Paleta de cores.


Matérias-primas ou materiais


Os materiais utilizados são o principal recurso para criar uma decoração Industrial sofisticada e de fácil identificação. O melhor caminho é apostar em:

• Concreto;

• Cimento queimado;

• Ladrilho hidráulico;

• Metais;

• Pedras.

Ou seja, matérias-primas rústicas. Elas vão trazer para o ambiente a crueza do ambiente industrial.


Texturas


As texturas são essenciais para criar pontos de atração visual em qualquer decoração. E no caso do estilo industrial, elas servem para complementar o ambiente e adicionar informação que indique o caminho da inspiração por trás do ambiente.

Alguns elementos de textura que podem ser utilizados, sobretudo quando as matérias-primas mais cruas não estiverem disponíveis, são:

• Ferrugem;

• Pátinas;

• Acabamento para paredes e pisos em cimento queimado.


Paletas de cores


Como já mencionamos anteriormente, a paleta de cores no estilo industrial traz predominantemente tons neutros e limpos, como:

• Branco;

• Cinza;

• Preto;

• Marrons e cobres.

Contudo, para criar apelo estético, eles podem ser balanceados com cores profundas, como tons fechados de verde e azul, além de tons terrosos para trazer calor e aconchego ao ambiente.

Outra opção é manter todo o ambiente em uma paleta monocromática, dando destaque a um item em cor viva. Por exemplo: uma sala de estar em tons acinzentados, com um sofá amarelo ou laranja criando um ponto de luz e protagonizando o ambiente.

As cores também podem aparecer em quadros, vidros e outros objetos ornamentais escolhidos para o espaço.


Balanceando o ambiente


Também é importante lembrar que a Decoração Industrial precisa ter seus elementos balanceados. Especialmente se o projeto for para moradia.

É preciso trazer para o ambiente elementos que contrabalanceiam a rispidez e frieza do estilo industrial, suscitando aconchego e acolhimento, para tornar o espaço versátil e convidativo.

Alguns elementos que ajudam neste aspecto são:

• Luminosidade natural;

• Vitrais;

• Projeto luminotécnico para a criação de cenários;

Utilização de plantas;

• Emprego de materiais quentes e sensoriais, como tecidos estruturados e texturizados em tapetes, sofás, mantas, cortinas etc.;

• Mobiliário com design orgânico para criar contraste visual, como peças com inspiração Art Nouveau;

• Móveis e decoração em madeira;

• Obras de artes como esculturas e pinturas.


Valorize seu apartamento 


Decorar é muito mais que um luxo, é uma das estratégias para agregar personalidade e valorizar seu apartamento e com a decoração Industrial, você tem uma ótima ferramenta para garantir um estilo moderno que não vai ficar datado, capaz de agradar a todos os gostos.

Quer saber mais sobre como tornar um imóvel inesquecível? Veja nossos outros conteúdos em nosso blog.

Curtiu? Confira outras matérias